Treino circuitado #MundoBT

Hoje foi dia de montar meu treino de musculação, que é muito importante principalmente quando passamos dos 30, porque a tendência com o passar da idade é perdermos mais massa muscular, então a musculação evita e retarda esta perda, além de fortalecer a musculatura para nos tornar mais saudáveis, (que é o meu objetivo já que não quero ficar grande nem bombada).Bt2

Estou fazendo treino de força pra definição e tônus porque emagreci muito nos últimos meses pois não estava motivada na antiga academia e eu tenho muita tendência a emagrecer, então, quando paro de malhar viro um gravetinho, por isto tenho que estar sempre em trabalho muscular pra ganhar peso.

Os professores hoje me passaram o treino de musculação circuitado, que são exercícios combinados sem descanso entre eles. Foram 40 minutos de treino total no dia hoje, e somente um aquecimento de aeróbio já que o circuito já queima o suficiente.

(Não vou usar este espaço pra falar detalhadamente sobre o treino, pois os posts são somente pra mostrar minha rotina de vida pós 30, afinal não sou profissional de Ed. Física nem médica e cada corpo é de um jeito e responde de uma forma, cada um deve buscar um profissional da área para seu treino personalizado)

bjs

Anúncios

Solteira aos 30 sim!

Se você está lendo este texto, provavelmente se identificou com algo né? Então amiga, segura a minha mão e vem ser feliz comigo porque não há nada de errado com você, muito pelo contrário.
Todos os dias nós ouvimos a máxima de que “Os trinta são os novos vinte” não é mesmo? Depois que chegamos nos 30 vemos que é a mais pura verdade.
Quando eu tinha 15 anos, eu me projetava com 28 uma executiva de sucesso, rica, bem sucedida e feliz com mil relacionamentos, sim, nunca fui de planejar casamento e sempre me via mais feliz como uma solteira de sucesso. Aproveitei muito desde então, namorei muito (uns 8 namoros sérios) e fiquei mais ainda (estes não contei mesmo), e quando cheguei aos 28 começou a bater aquela vontadezinha de sossegar no domingo à noite assistindo um filme com alguém que dividisse comigo uma história legal de vida.
solteiroComecei a olhar pros lados e ver naquela lista de pretendentes quem fazia mais o requisito namorado, (sim, mulheres também tem esta listinha, não é exclusividade masculina), acabei um tempo depois optando por um que conheci na balada, afinal eu trabalho em balada e foram 2 anos muito intensos tanto de brigas quanto de grude, pros dois era a primeira vez “mais séria” em relacionamentos, éramos dois perdidos que nos encontramos naquela tentativa de nos salvarmos um no outro sabe?
Não era o momento certo, a circunstância certa nem a motivação certa, preferimos dar um tempo e eu terminei de vez pois eu queria encontrar o amor sem amarras, saudável, sadio, e para isto eu tinha que estar assim, plena por dentro. Nisto eu estava com 31 anos e lá estava eu novamente solteira na pixxta num mix de alívio e culpa, alívio por ter um mundo a conhecer e desbravar sem dar satisfação à ninguém e culpa por de repente estar fazendo uma pessoa que gosta de mim sofrer.
Foquei só no alívio e entrei no círculo de curtir-a-vida-adoidada por longos meses, revi amigas e amigos que tinha perdido no tempo, conheci novos, entrei em aplicativos de pegação (na Copa era o auge, hoje não recomendo), ampliei minha zona de conforto, peguei muita gente, descartei muita também e assim fui cansando e ficando a cada dia mais focada em mim mesma. Meus 32 anos foram curtição total, machuquei e fui machucada várias vezes, sorri e chorei, minha vida foi uma montanha russa de sentimentos, e aprendi neste 1 ano, talvez o que não tinha aprendido a vida toda: Temos que ter FOCO.

Parece clichê ou conselho de mãe, mas não, é apenas experiência de quem já vivenciou isto, estar solteira aos 30 é estar solteira com maturidade, sabendo escolher e estando bem consigo mesma, tem muito mais a ver com qualidade do que com quantidade, a vida nos cobra isto e a nossa própria consciência também.
Fiz 33 (em janeiro deste ano) e esta minha consciência amadureceu, dei um basta naquela menina de 30 ansiosa e que só se importava se era o mais bonito da noite, e passei a olhar pra mulher de 30 que sou que hoje se importa se é o mais interessante pra minha vida. Este foco muda tudo. Porque não é mais no outro, é em nós mesmas.

Nestes meus 33 escolhi estar solteira porque estou tranquila, feliz, plena e só quero pra mim alguém que me traga ainda mais plenitude e que não tire a minha. Alguém que some além do que já sou, que me puxe ainda mais pra cima e que eu possa fazer o mesmo por ele. Sou romântica e este não é um texto feminista de “nos bastamos e fodam-se os homens”, afinal tem muito homem maravilhoso no mundo, eu mesma conheci vários (e descartei por imaturidade), este texto é pra exatamente focarmos em nos fazermos felizes porque só assim tudo em nossa vida se torna pleno, inclusive a nossa capacidade de enxergar o cara da nossa vida. ❤
bjs

Bem vinda ao #MundoBT

Fiz atividade física a vida toda, desde neném fiz ballet, enjoei, fiz jazz, enjoei, ginástica olímpica, enjoei, academia, e me rendi ao mundo fitness, nunca fui muito de atividades outdoors, prefiro mesmo um ar-condicionado e sala fechada (me julguem). Como eu enjôo muito fácil (perceberam) da mesma atividade por muito tempo, eu já estava cansando da minha antiga academia, que é ótima (Oi Smart Fit), mas que só tinha aeróbio e musculação, que é a filosofia deles  mesmo, uma academia mais express, mas que já não supria as minhas vontades mais.
BT1Pensei em pilates, Yoga, CrossFit e mil outras modalidades e percebi que o preço cobrado por cada uma delas em apenas 3x por semana era muito mais caro do que uma academia convencional que tem aulas de todos os tipos. Então solucionei todos os meus problemas em 1, a pluralidade de atividades que posso fazer sem enjoar e tudo incluído no mesmo local. ❤
Minha escolha foi a Body Tech, tanto pela, diversidade de atividades, Ballet, Yoga, Pilates, Circuito, Muay Thay etc quanto pela excelência de profissionais muito atenciosos, tava sentindo falta desse feedback humano, (sou dessas).

E como não quero emagrecer nem ficar bombada, quero apenas definição muscular e saúde, dá tranquilamente pra fazer as aulas diversas e focar 3x por semana em musculação, que é de suma importância pra todo mundo, ainda mais pra nós com mais de 30. 😉

Então à partir de hoje, além do nosso papo de 30 sobre beleza, pensamentos e inspirações, vou dividir também com vcs minha rotina de exercícios e descobertas, além da evolução corporal e de saúde.

Hoje comecei meu primeiro dia de treino na BT com a aula de “Combine Trainning”, que é um circuito funcional com obstáculos, polichinelo, corda, step etc, que parece brincadeira de criança mas de criança não tem nada! Quase morri 30293023 vezes, e olha que não sou sedentária hein? 🙂

Saí suando pencas (vide foto) e com sensação de dever cumprido, recomendo pra quem tiver com a saúde em dia e articulações idem!

E vamos malhar!! #Yes30 #BoraMagrinha

bjs